terça-feira, 8 de dezembro de 2015

IT'S BEGINNING TO LOOK A LOT LIKE CHRISTMAS | DIY PARTE I


Este ano começámos por montar a nossa árvore artificial que tínhamos faz tempo. Conforme fomos montando, pequenas partes da árvore desintegravam-se e faziam prever uma árvore depenada. Mesmo assim, não dando parte fraca ao dia que tinha destinado como sendo o dia-de-montar-a-árvore assim continuámos. Ramo a ramo. Colocámos as bolas e os pequenos enfeites, cartões, etc. Ligámos as luzes. Estava engraçada. Uma M. delirante, uma V. indiferente e eu com a sensação de missão cumprida. Missão cumprida só-porque-sim...não faz muito o meu género.

No dia a seguir "tropecei" neste pinheiro natural. Há anos que queria um pinheiro natural. E tinha que ser este ano (convenci-me rapidamente). Trouxe-o para casa (para espanto da M.: "outra árvore Mãe?!"). Esbocei um sorriso. Nem sabia muito bem como explicar o porquê de outra árvore (o porque sim, não chega).

Cansei-me de ver árvores artificiais. Para quê um toque de plástico e compósitos - artificial, quando na verdade é bem simples ter um pinheiro natural no registo que temos cá em casa? Vamos conseguir reutilizar várias vezes, durante muitos anos (prometo cuidar dele). E este ainda com a vertente de não picar ninguém. E assim será a nossa decoração de Natal, natural, sem grandes floreados, simples como para mim o Natal deve ser.

Aproveitei uma ramagem a mais do pinheiro para fazer uma coroa pequena para colocar na porta de entrada. A ramagem também servirá para colocar um ou outro detalhe na mesa para alguns jantares que se avizinham.

O que precisamos:

ramo de pinheiro: (ou outro/alecrim também fica bonito) Cortados com 15 cm de comprimento.

arame: fazemos a forma com dois pedaços de arame entrelaçados entre si de maneira a ficarmos com 30cm de diametro aproximadamente.

fio de pasteleiro: este em tom cru para atar as pontas dos ramos ao arame.

Contornar o arame com as ramagens sempre no mesmo sentido (para ir escondendo os nós do fio). Colocar um fio para pendurar no final.

Mais simples não há!


Com amor,
Joana
^^^^^^^^^^^^
     

2 comentários:

  1. É tão perfeitinho!!!
    Será que não seca? Nunca tive um!

    http://ourpicturingdays.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É mesmo!
      Sugeriram mantê-lo no vaso com a terra e enterrá-lo mesmo assim na terra. Como tenho aqui um espaço, vou seguir à risca!
      Para o ano é só retirar. Penso que assim irá correr bem!
      Beijinho!

      Eliminar